10.3.09


A velha mão
segue traçando versos
para o esquecimento.

Jorge Luis Borges
Tradução de Anibal Beça