16.3.09



Neste bosque urbano
árvore feita em concreto
– meu corpo estremece.

Eolo Yberê Libera